PUBLICIDADE

Grêmio 1 x 2 Santos: Vanderlei espetacular

Grêmio Santos

Por Fábio Dias

A imagem é simbólica. O jogo passou por ele, especialmente no segundo tempo. Vanderlei fez uma grande partida, lembrando muito suas atuações em 2017. Fechando o gol como no bombardeio de três finalizações à queima-roupa que o camisa 1 evitou brilhantemente. 

Nem mesmo a estratégia de Sampaoli de jogar com três zagueiros e, depois, Alison na proteção deles impediu que o Grêmio finalizasse 24 vezes. Mesmo assim, deu Peixe em Porto Alegre.

O Santos estreou no Brasileirão no 3-5-2. Queria povoar o centro do campo onde o Grêmio faz muito de seu jogo. Três zagueiros pela quarta vez no ano. Foi assim. E melhor, com Sasha marcando um golaço, após bola escorada por Jean Lucas, de cabeça. Duas das novidades do técnico argentino para a partida.

Melhorou quando Felipe Jonatan, de ótima atuação, roubou o tempo e a bola de Alison para fuzilar, na saída de Paulo Victor. Placar de 2 a 0 que era reflexo de um Peixe que foi precavido para jogar na velocidade de Sasha e de Soteldo.

O Grêmio foi para o abafa no segundo tempo. Encurralou o time santista, empilhando atacantes uma vez que o adversário foi se encolhendo. Pressão que parou em Vanderlei em vários momentos. Em 12 chutes, dos mais variados tipos.

Everton furou a muralha no último lance do jogo. Quando Tardelli, Vizeu e Luan faziam companhia. O Tricolor dos Pampas forçaram bastante, sem conseguir no mínimo o empate.

Peixe estreia com o pé direito no Brasileirão, algo que não se via há 19 anos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS