PUBLICIDADE

Vasco e Flamengo tomam prejuízo em plena final do Carioca

Flamengo Vasco

O presidente vascaíno Alexandre Campello deve ter se arrependido de escolher o estádio Nilton Santos como palco da primeira partida final do Campeonato Carioca. É que a derrota por 2 a 0 para o Flamengo contou com apenas 10.854 pagantes, o pior público na década em uma decisão do estadual. A consequência: prejuízo para os dois clubes.

O Vasco teve de desembolsar R$ 166 mil para cobrir as despesas do jogo, enquanto o Flamengo precisou bancar R$ 172 mil – a diferença de R$ 6 mil a mais na conta do Rubro-Negro se deu porque o presidente Rodolfo Landin exigiu a realização de exame antidoping.

Vale lembrar que, no Rio de Janeiro, todos os clássicos têm as rendas divididas entre os grandes. Seja com superávit ou déficit, como no caso do último domingo.

Os 10.854 pagantes no Nilton Santos geraram uma receita bruta de R$ 521.920,00. Porém, as despesas foram de R$ 854.793,00, determinando um rombo de R$ 332.873,00.

Importante: a Ferj havia estimado um lucro de aproximadamente R$ 200 mil para cada clube se a final fosse disputada no Maracanã. A entidade que organiza o Campeonato Carioca, inclusive, trabalhou nos bastidores para tentar convencer o Vasco a desistir da ideia de jogar no estádio botafoguense.

Campello, porém, bateu o pé e insistiu no Nilton Santos. Tudo porque o dirigente cruz-maltino se sentiu preterido no processo de licitação do Maracanã – na semana passada, o governo do estado do Rio de Janeiro anunciou o Flamengo, em parceria com o Fluminense, como o responsável por administrar o estádio nos próximos seis meses.

A título de comparação, o mesmo Vasco x Flamengo da final da Taça Rio, em 31 de março, contou com 41.039 pagantes no Maracanã. Já no Nilton Santos, estádio que não caiu no gosto do povo carioca, o público foi muito inferior. O fato de a Prefeitura do Rio de Janeiro ter anunciado no domingo o risco de chuvas fortes também afetou o público.

O PREJUÍZO DA FINAL:

  • 10.854 pagantes de público

  • Renda bruta: R$ 521.920,00

  • Renda líquida: R$ -332.873,00

  • Prejuízo do Vasco: R$ -166.436,50

  • Prejuízo do Flamengo: R$ 172.436,50

OS PÚBLICOS DA 1ª FINAL NO RJ:

  • 2014: Flamengo x Vasco – 26.242 pagantes

  • 2015: Botafogo x Vasco – 45.488

  • 2016: Botafogo x Vasco – 43.822

  • 2017: Fluminense x Flamengo – 40.898

  • 2018: Botafogo x Vasco – 19.117

  • 2019: Vasco x Flamengo: 10.854

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS