PUBLICIDADE

Tiago Nunes recusa oferta do Galo e gera bate-boca entre diretorias

Atlético Paranaense

O técnico Tiago Nunes, atualmente no Atlhetico-PR, recusou a oferta do Atlético-MG para deixar o Furacão e dirigir o Galo. No fim da sexta-feira, 12 de abril, o clube paranaense postou em suas redes sociais que Tiago ficaria em Curitiba.

– Ele fica – dizia a postagem nas redes do Furacão, que se dirigia diretamente aos mineiros.

A forma como o negócio foi conduzido pelo Galo desagradou o Atlhetico-PR, principalmente o presidente do conselho deliberativo do clube, Mário Celso Petraglia, que fez acusações contra o Galo, chamando o alvinegro de Minas de “antiético” pela investida em Tiago Nunes, “passando por cima” do contrato que o técnico possui com com os paranaenses.

O Galo não ficou atrás e rebateu as falas de Petraglia e do Athletico dizendo que Tiago Nunes foi oferecido ao clube por seu empresário, em uma tentativa para receber aumento salarial. O Atlético-MG ofereceu cerca de R$ 300 mil de salários, mais do que o dobro que Tiago recebe no Furacão.

Apostando na teses da oferta do empresário, o Galo Mineiro ironizou Mário Celso Petraglia, falando que ele não percebeu o jogo do empresário de Tiago Nunes, apesar de ser experiente, de forçar uma negociação salarial para o seu agenciado.

-Não foi bem assim. O treinador nos foi oferecido por seu empresário e provavelmente usou desse expediente pra ganhar um expressivo aumento. É inacreditável que o Petraglia esteja há 50 anos no futebol e não tenha aprendido como funciona!-dizia a publicação do Galo nas redes sociais.

Em outra publicação de Mário Celso Petraglia, o dirigente destinou sua insatisfação ao Galo de forma bem direta, atacando também o novo diretor de futebol do clube mineiro, Rui Costa, que trabalhou no Furacão em 2018 e inicio de 2019.

– Incrível, é verdade, o “Mineiro” de forma antiética fez proposta milionária ao nosso técnico TNunes! O próprio presidente, seu vice e o traria Rui Costa participaram em viva voz do telefonema!Desespero total! Esqueceram eles que o TN é de homem de palavra trabalha no Paranaense! – dizia a publicação.

Enquanto não resolveu quem será o novo técnico, o Galo terá o treinador da base atleticana, Rodrigo Santana, como comandante nas finais do Campeonato Mineiro, diante do Cruzeiro, nos dias 14 e 20 de abril.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS