PUBLICIDADE

Antes ignorado por Cuca, Avelar quer se mostrar na final: “Vai me conhecer”

Corinthians

 

Danilo Avelar não guarda mágoas de Cuca, mas avisa que vai fazer o possível para dar seu cartão de visitas ao treinador na final do Campeonato Paulista entre Corinthians e São Paulo. Dois anos após o técnico dizer que “nunca ouviu falar” do lateral, o corintiano afirma que tem o que mostrar neste domingo (14)

“Não digo que é um reencontro [com Cuca], porque nunca encontrei ele. O que vai mudar é que, se ele tinha dito que não me conhecia, agora ele vai me conhecer bem. Não avalio como reencontro, mas sim como um encontro, porque é a primeira vez. Espero sair vitorioso”, projeta Danilo Avelar em entrevista exclusiva ao UOL Esporte.

As histórias de Danilo Avelar e Cuca se cruzaram em maio de 2017, quando o jogador estava em uma lista de possíveis reforços do Palmeiras. Cuca era o então técnico alviverde e não achou necessária a contratação do lateral, que época estava se recuperando de um longo período de lesão no Torino (ITA). Como tudo ficou apenas na conversa, Avelar acabou indo jogar no futebol francês.

Questionado sobre Avelar na ocasião, Cuca respondeu de forma extremamente sincera, mas pouco simpática. “Quem? Nunca ouvi falar do Danilo Avelar. Até assisti a um jogo entre Juventus e Torino, mas não me lembro dele”, disse em entrevista coletiva. O lateral perdeu o jogo em questão, três dias antes da fala do treinador, justamente por estar lesionado.

“Na época teve conversa de bastidores, mas nada com o meu empresário”, lembra Danilo Avelar. “Era uma transição [no Palmeiras], e o Cuca tinha acabado de chegar. Nessa transição meu nome estava no meio, mas o Cuca acabou não querendo mais ninguém. Daí ele deu essa entrevista dizendo que não sabia nada de mim, alguma coisa assim”, recorda.

Os dois personagens não se enfrentaram em outubro de 2018 por um detalhe. Na ocasião Cuca estava no Santos, e um clássico contra o Corinthians pelo Brasileirão calhou de acontecer entre as duas finais da Copa do Brasil. Por este motivo Danilo Avelar e todos os outros titulares corintianos foram poupados daquele jogo.

Neste domingo será diferente. Corinthians e São Paulo usam força máxima na primeira final do Campeonato Paulista, às 16 horas (de Brasília), no estádio do Morumbi. O jogo de volta está marcado para o mesmo horário, no domingo seguinte (21), na Arena.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS