PUBLICIDADE

Convocação de Weverton é celebrada no Palmeiras como superação à crítica

Palmeiras

 

A convocação de Weverton para os amistosos da seleção brasileira contra Panamá e República Tcheca tem um sabor especial para a diretoria do Palmeiras. Isso porque a contratação do goleiro foi alvo de críticas de torcedores e conselheiros.

A queixa principal era de que com Jaílson e Prass no elenco não seria necessário investir em mais um jogador para a posição.

Contratado no final de 2017, o ex-goleiro do Athlético veio por decisão da direção pois quando Roger Machado chegou para treinar a equipe o negócio já tinha sido feito.

Weverton custou 370 mil euros (cerca de R$ 1,59 milhão em valores atuais). Ele superou as desconfianças se destacando na conquista do Brasileirão do ano passado.

Com a convocação, a contratação é usada pela diretoria como exemplo do que os cartolas avaliam como bons negócios feitos pelo clube. Desde que Alexandre Mattos assumiu a direção executiva de futebol do Palmeiras há críticas de conselheiros por conta dos gastos no departamento de futebol.

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS