PUBLICIDADE

Em teste, Pietro Fittipaldi estreia na F1 e Brasil volta a ter representante na pista

FORMULA 1

 

O Brasil voltou a ter um representante nas pistas da Fórmula 1 nesta terça-feira. Devido a um problema com o assento do dinamarquês Kevin Magnussen, a montadora norte-americana Haas decidiu lançar o piloto de testes e desenvolvimento Pietro Fitiipaldi para participar do segundo dia dos testes da pré-temporada da categoria, na Espanha.

O brasileiro, neto do bicampeão Emerson Fittipaldi, entrou no fim do teste e finalizou o circuíto de Circuito de Barcelona-Catalunha com o tempo de 1:21.849, pior marca entre os 12 pilotos. Magnussem, apesar da curta participação, garantiu o terceiro melhor tempo, com 1:19.206.

Veja também: Leclerc mantém domínio da Ferrai no segundo dia de testes em Barcelona

Com apenas 22 anos, Pietro assinou seu primeiro contrato na F1 nesta temporada, para representar a montadora dos Estados Unidos que entrou em 2016 para a categoria. Além de Magnussem, a Haas conta com o francês Romain Grosjean no grid.

Fittipaldi não é o único piloto brasileiro nesta condição. O mineiro Sérgio Sette Câmara, de 20 anos, também é piloto de testes e desenvolvimento da categoria, representando a McLaren.

 

O post Em teste, Pietro Fittipaldi estreia na F1 e Brasil volta a ter representante na pista apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS