PUBLICIDADE

Botafogo encara Defensa y Justicia para seguir na Sul-Americana

Botafogo

 

Zé Ricardo quer seguir na Sul-Americana (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

 

 

O Botafogo luta para confirmar a classificação para a segunda fase da Copa Sul-Americana. Contudo terá uma tarefa ingrata pela frente nesta quarta-feira, quando visita o Defensa y Justicia a partir das 21h30 (de Brasília), no Estádio Norberto Tomaghello, em Florencio Varela, na Argentina.

Na partida de ida os brasileiros ganharam por 1 a 0 e agora, além da vantagem do empate, podem perder por um gol de diferença, mas a partir de 2 a 1, já que os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate. Se devolverem o 1 a 0 os argentinos forçarão a disputa de pênaltis.

O Botafogo, porém, tem consciência das dificuldades que lhe esperam por conta da fase do adversário. No fim de semana o Defensa y Justicia derrotou o Argentinos Juniors por 2 a 1, chegou aos 45 pontos e se manteve na ponta do Campeonato Argentino, ao lado do Racing.

“Trata-se de um adversário que atravessa um grande momento e que com toda a certeza vai querer crescer em seu campo. Vamos precisar ser eficientes para neutralizarmos seus pontos fortes”, disse o técnico Zé Ricardo.

O Botafogo também vem crescendo. Ganhou os três últimos compromissos, sendo o mais recente os 2 a 0 sobre o Campinense, na Paraíba, que rendeu a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. O poder de reação, segundo os atletas, é fruto de uma entrega e de um poder de concentração que eles pretendem colocar em prática na Argentina.

“Com certeza, essas três vitórias dão uma confiança ainda maior. Na partida de ida estávamos muito pressionados e mesmo assim conseguimos ganhar. É um jogo muito complicado, diante de uma equipe de imensa qualidade, um dos líderes do Argentino. Mas a gente vai trabalhar para ir lá e conseguir essa classificação”, disse o zagueiro Gabriel.

Em termos de escalação o Botafogo perdeu uma peça importante. O zagueiro Joel Carli sofreu uma entorse no joelho direito e vai ter que se submeter a uma artroscopia no joelho direito, tendo que ficar mais de um mês afastado dos gramados. Assim, Marcelo Benevenuto assume a vaga e vai compor a zaga com Gabriel. A boa notícia é que o meia chileno Leonardo Valencia será relacionado pela primeira vez no ano, após se recuperar de uma lesão na panturrilha direita sofrida ainda na pré-temporada. O jogador vai começar no banco de reservas.

Pelo lado do Defensa y Justicia, o técnico Sebastián Beccacece aposta na entrega de sua equipe e na boa fase. “Mesmo atravessando um grande momento, a gente sempre está buscando a evolução e isso me deixa confiante. O Botafogo é habilidoso e requer cuidado, mas podemos nos impor jogando em casa”, disse o comandante.

O treinador argentino vai manter a base da partida de ida, mas não descarta alguma surpresa de última hora. Porém, o meia Gastón Togni, reserva no Rio de Janeiro, não poderá atuar por ter rompido os ligamentos do joelho direito.

 

FICHA TÉCNICA
DEFENSA Y JUSTICIA-ARG X BOTAFOGO-BRA

Local: Estádio Norberto Tomaghello, em Florencio Varela (Argentina)
Data: 20 de fevereiro de 2019 (Quarta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (Peru)
Assistentes: Jonny Bossio (Peru) e Jesus Sanchez (Peru)

DEFENSA Y JUSTICIA: Ezequiel Unsain, Julio César González, Mariano Bareiro, Alexander Barbozac e Rafael Delgado; Domingo Blanco, Leonel Miranda, Alexis Castro e Ciro Rius; Ignacio Aliseda e Nicolás Fernández
Técnico: Sebastián Beccacece

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Jonathan; Jean, Alex Santana, Luiz Fernando, Rodrigo Pimpão e Erik; Kieza
Técnico: Zé Ricardo

 

 

 

O post Botafogo encara Defensa y Justicia para seguir na Sul-Americana apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2019 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS