PUBLICIDADE

Criticado e amado por torcedores, Aguirre reencontra o Galo pela primeira vez

Atlético Mineiro Futebol

Quase dois anos e quatro meses depois de ser demitido pelo Atlético, justamente depois de um jogo contra o São Paulo – vitória atleticana por 2 x 1, no Horto, mas que culminou com a desclassificação do Galo nas quartas de final da Copa Libertadores de 2016 -, o agora técnico são-paulino Diego Aguirre vai se reencontrar com a torcida atleticana.

Nesta quarta-feira, o alvinegro recebe a equipe paulista, no Independência, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador uruguaio teve uma curta passagem por Minas. Foram apenas 31 jogos, com 16 vitórias, sete empates e oito derrotas, um aproveitamento de 59%.

No Galo, Aguirre foi vice-campeão mineiro, perdendo a decisão para o América, sucumbindo depois do revés para o São Paulo na Libertadores. O Atlético perdeu o primeiro jogo, no Morumbi, por 1 a 0, e chegou a fazer 2 a 0 na partida de volta, em BH, logo com 11 min de jogo (Cazares marcou aos 6 min e, Carlos, aos 11 min). Mas o tricolor diminuiu com Maicon, de cabeça, aos 14 min do primeiro tempo e o time alvinegro não conseguiu o terceiro gol que lhe garantiria a vaga na semifinal da competição continental.

Atlético e Aguirre, contratado pelo São Paulo em março, já se reencontraram neste ano, mas o duelo aconteceu no Morumbi, no primeiro turno do Brasileiro. As equipes empataram em 2 a 2. O uruguaio também já esteve no Horto depois de deixar o Galo, mas foi para o duelo contra o América. O tricolor paulista bateu o Coelho por 3 a 1.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2018 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS