PUBLICIDADE

Equipes pedem retorno de jogadores antes de segundo amistoso da seleção

Flamengo

 

Se preparando para ir em busca de uma vaga na final da Copa do Brasil, Flamengo, Cruzeiro e Corinthians receberam um ‘presente de grego’, tendo atletas fundamentais para a equipe convocados para amistosos da Seleção Brasileira. A ausência de Paquetá (FLA), Fagner (COR) e Dedé (CRU) no primeiro jogo da semifinal do mata-mata é possível, mas as equipes ainda tentam uma nova cartada para tê-los à disposição, que seria o retorno dos jogadores após o primeiro jogo da Canarinho.

A convocação pretende, inicialmente, ter os atletas no período de oito dias, partindo desde o dia 03 de setembro até 11 de setembro. Esta última data é quando ocorre a partida contra El Salvador. Entretanto, a ideia das equipes supracitadas é que seus jogadores retornem após o embate contra a seleção dos EUA, que será no dia 07.

Segundo informação do O Globo, os presidentes dos três clubes estão em reunião no Paraguai, em reunião na Conmebol. Por lá, eles discutem ideias em particular para conseguirem ter seus respectivos destaques nas semifinais, que serão no dia 12. Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Fla, falou sobre o assunto.

Achamos que a única forma de salvar a credibilidade da competição é a dispensa dos três atletas após o primeiro amistoso. Ainda restarão 21 na delegação, mais do que suficiente para enfrentar a poderosa seleção de El Salvador. Seria uma demonstração de boa vontade da CBF e uma medida que salvaguardaria o respeito à competição e o equilíbrio no tratamento dos clubes. Seria certamente aplaudida por todos –, disse o cartola rubro-negro.

Mesmo que obtenha a liberação de Paquetá para o jogo da competição de mata-mata, o Flamengo vai perder seu camisa 11 por outras duas partidas, contra Internacional e Chapecoense, ambas pelo Campeonato Brasileiro. Essas partidas serão nos dias 05 e 09/09, respectivamente.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2018 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS