PUBLICIDADE

Rodrigo Caio faz alerta no São Paulo: “reação não pode passar de domingo”

São Paulo

 

O zagueiro Rodrigo Caio mostrou preocupação com a situação do São Paulo no Campeonato Brasileiro. Após a derrota para o Atlético-PR, a segunda consecutiva, a equipe do Morumbi completou a marca de quatro jogos sem vitória e ocupa a 14ª posição, com dez pontos. A vantagem para a zona de rebaixamento é de apenas um ponto. 

“(A reação) Não pode passar de domingo, precisamos vencer de qualquer maneira. A preocupação não é só da torcida, é nossa também. Todo mundo sabe a dificuldade que foi no ano passado (o time também esteve ameaçado em 2016). O jeito é trabalhar. Uma vitória vai nos dar a tranquilidade para trabalhar na semana cheia que teremos pela frente”, afirmou o zagueiro em entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira, no CT da Barra Funda.

Na visão do atleta, faltou sorte ao São Paulo nos últimos jogos, as derrotas para o Atlético Mineiro por 2 a 1, no Morumbi, e para o Atlético-PR por 1 a 0, fora de casa. Ele não atuou no primeiro deles por contusão.

“Eu vi o jogo contra o Atlético-MG. Começamos bem. No primeiro ataque deles, tomamos o gol. Reagimos, empatamos no começo do segundo tempo e tivemos três, quatro chances claras. No fim, levamos o gol. Contra o Atlético-PR, a mesma coisa, o gol deles veio no começo da partida. Depois tentamos, criamos, mas a bola não quis entrar”, afirmou Rodrigo Caio.

Outra explicação para o mau momento da equipe, na visão do jogador, são as alterações no elenco. Em 2017, a equipe perdeu jogadores como Lyanco e Luiz Araújo. “Muitos falam que o nosso time é inferior aos outros, mas vários jogadores estão sendo vendidos. Essas pessoas estão erradas ou os times europeus estão errados. Então a gente fica feliz por eles, pela transferência de cada um. Claro que gostaríamos que estivesse conosco, mas é vida que segue”, completou Rodrigo Caio.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2017 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS