PUBLICIDADE

Renato prevê força máxima do Grêmio contra o Coritiba

Grêmio

​Com 34 jogos disputados na temporada, o técnico Renato Portaluppi sabe que o desgaste é um obstáculo a ser gerido para evitar maiores problemas no fim do ano, com a reta final dos campeonatos. Depois do empate em 3 a 3 com o Cruzeiro, Renato foi questionado se daria descanso ao time titular na partida contra o Coritiba, quinta-feira (22), na Arena, o técnico descartou:

“Não tenho intenção de poupar ninguém. A hora vai chegar. Quinta vamos conversar com o departamento médico. Ramiro está suspenso. O Kannemann está desgastado e sente uma dor muito forte hoje. Quem tiver condições, vai jogar. Nós vamos poupar na hora certa”.

Neste Campeonato Brasileiro, o Grêmio enfrentou o Sport, em Recife, com o time todo reserva – decisão de Renato -, e acabou derrotado por 4 a 3. O técnico gremista deve aguardar um pouco mais para poupar os titulares já que o Tricolor tem jogos complicados nas próximas três rodadas: o terceiro colocado Coritiba e o líder Corinthians, ambos em casa, e o Palmeiras, no Allianz Parque.

Em 2016, o Grêmio realizou 73 partidas e foi o segundo time brasileiro que mais entrou em campo, atrás do Atlético-MG, com 74.

 

(Crédito: Lucas Uebel/Grêmio)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2017 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS