PUBLICIDADE

Perda do título não muda em nada futuro do Fluminense

Fluminense

 

​Tudo continua como está. Este é o resumo do futuro imediato do Fluminense. Depois de conquistar a Taça Rio com méritos e chegar à final do Campeonato Carioca, o time do técnico Abel Braga acabou ficando com o vice-campeonato estadual – perdeu as duas partidas decisivas para o Flamengo. No entanto, o lado positivo parece prevalecer.

Ao longo dos primeiros meses da temporada, o treinador conseguiu dar à equipe um padrão de jogo que é exaltado. Além disso, jogadores como o centroavante Henrique Dourado se firmaram. Apostando em jovens da base e em um elenco sem estrelas – o principal nome é Gustavo Scarpa, formado em Xerém -, o Tricolor mantém inalterado o seu caminho, que tem Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Sul-Americana pela frente.

“Não saio decepcionado. A torcida conhece os jogadores. Dentro deles, há muito caráter, muita dignidade. Demorei para vir (para a entrevista) porque estava exaltando eles”, disse Abel. Sem muito tempo para “lamber as feridas” (que pelo jeito não são muitas), a equipe já começa a sua preparação para tentar garantir classificação à segunda fase da Sul-Americana. Na quarta-feira, o Fluminense enfrenta o Liverpool-URU, fora de casa, defendendo a vantagem de 2 a 0 conquistada no Rio de Janeiro.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© PRORROGAÇÃO 2017 | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS